História da Cultura Afro-brasileira e Indígena - AULA 1

Reflexões sobre os aspectos caracterizadores da formação cultural brasileira. Intercâmbios econômicos e culturais no contexto colonial - o tráfico de escravos. Índios e negros na construção da cultura da nação brasileira. Do pan-africanismo às lutas de libertação: Evolução do processo político-cultural do Brasil.

Captura de Tela 2019 08 01 as 18.05.23


Diante de graves problemas das desigualdades sociais, racismos e preconceitos, nos últimos anos, o tema referente a história e a cultura africana e indígena vem sendo trabalhado nas escolas e universidades, contemplando a grade curricular dos cursos. Diante disso, História e Cultura Afro-brasileira e indígena, trata-se de uma disciplina de caráter historiográfico que pretende apresentar ao aluno um panorama histórico da importância do encontro de culturas entre o negro vindo de vários países do continente africano, com o índio e o europeu no processo histórico de formação e construção da identidade do Brasil. Abordaremos fundamentalmente, os conceitos de modernidade, eurocentrismo e multiculturalismo, o seu tratamento na historiografia, demandas e implicações políticas e sociais que "sustentam" historicamente tais conceitos, sobretudo no Brasil. Além disso, haverá preocupação no sentido de perceber como a modernidade europeia em seu desdobramento (neocolonialismo do século XIX) reverberou na história dos países ditos de "terceiro mundo". A proposta dessa temática remete ao campo das sensibilidades e da subjetividade na perspectiva da História cultural. Sob essa perspectiva é possível desconstruir e construir outras representações do negro, do índio, numa leitura que reivindica o reconhecimento de forma positiva da presença importante e atuação desses povos nos processos históricos brasileiros, com sua contribuição cultural desde o período colonial, contribuindo para a formação da identidade do Brasil, ainda inconclusa.

Tags: História da Cultura Afro-brasileira e Indígena

Imprimir